sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

Vai ano velho.....byestel@

Vai Ano Velho......Estel@
Vai ano velho procure seu lugar
Você me trouxe esperanças e encanto
Que foi bom enquanto durou
Mas também me trouxe decepção e prantos
Que rápido também passou
Com erros e acertos aprendi a lição
Vai embora ano velho, você precisa ir
Quero escolher uma direção
Para o ano novo poder entrar e sorrir
E sempre vai ser assim, um vai outro vem
E o que mais posso dizer?
Adeus ano velho, feliz ano novo
Que o velho leve as nuvens ameaçadoras
E o novo traga paz e renovação.
Estel@
Estel@

quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

simpatia de ano novo para boa saúde

      Simpatia de Saúde

Pegue 3 rosas brancas, que pode ser encontrado facilmente em jardins ou em floriculturas , e coloque em um vaso de preferencia de vidro transparente que nunca tenha sido usado antes. Junte dentro dele seis moedas e uma cebolinha. Coloque água e deixe ficar assim durante 7 dias.
Depois do sétimo dia, troque a água, tire a cebolinha e também troque as rosas. Só deixe ficar as moedas. Essa prática deve ser feita de sete em sete dias, de preferência nas sextas-feiras, o ano todo. Quem assim agir terá paz, dinheiro e harmonia em seu lar.. Principalmente afastando qualquer tipo de enfermidade

domingo, 25 de dezembro de 2011

Natal....uma estrela guia by Estel@


Natal....uma estrela guia.....Estel@
Chegou o Natal, olhe para o céu e procure sua estrela guia, ela vai estar lá e nesta pintura do Universo, uma delas vai intensamente brilhar para você.
È a sua estrela guia....
E é Natal !
Natal, tempo de recomeçar.
Recomeçe.... como uma estrela no firmamento, olhando o mundo com luz e esperança renovadas.
Sorria.... sempre quando uma estrela brilhar no céu, ela está te dizendo que é Natal.
Cante..... alto a canção de sua vida, encha seus pulmões de Paz.
È Natal!
Esbanje..... a luz que mora no seu coração.
È Natal!
Doe....e receba.
Anuncie.... com alegria uma boa notícia.
È Natal!
Semeie.... amor , fraternidade e solidariedade
È Natal!
E, de mãos dadas com o menino Jesus,
concentre-se na luz das estrelas, porque sempre haverá uma luzinha piscando para você.
Feliz Natal!

sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

receita de natal

RECEITA PARA UM NATAL -
Nicolau Saião
Primeiro, ficar parado durante um momento, de pé ou sentado,
numa sala ou mesmo noutra dependência do lar.
Depois preparar os olhos, as mãos, a memória
e outros utensílios indispensáveis.
A seguir começar a reunir coisas, por ordem bem do interior
do coração e do pensamento:
a ternura dos avós, uma mancheia;
rostos de primos distantes, uma pitada;
sons de sinos ao longe, quanto baste;
a recordação duma rua, uns bocadinhos
um velho livro de quadradinhos
duas angústias mais tardias, alguns restos de azevias,
a lembrança de vizinhos ainda vivos mas ausentes
e de uns já passados.
Quatro beijos de seres amados ou de parentes
um cachecol de boa lã cinzenta aos quadrados
e um pouco de azeite puro e fresco
igual ao que a mãe usava noutro tempo saudoso.
Mexe-se bem, leva-se ao forno
e fica pronto e saboroso
- mesmo que, nostálgica, se solte uma pequena lágrima.


terça-feira, 29 de novembro de 2011

Prece ao alvorecer....recebi da minha amiga Muriel e posto pra vcs...Estel@

Prece ao alvorecer
Muriel E T Niess Pokk

Acordo muito cedo
Quando o sol está nascendo
Faço o sinal da cruz sem medo
E minhas preces vou fazendo
Agradeço por estar com vida
Pelo meu corpo poder mexer
Por ser muito amada e querida
Pela alegria de poder ver
A Deus agradeço sem relutar
Pelo canto das aves poder ouvir
Nas árvores elas ficam a gorjear
Ouvindo-as acordo a sorrir
Agradeço por saudável eu ser
Assim a todos posso abraçar
Quantos não queriam eu ser...
Poder estar no meu lugar
Peço a Deus que sempre proteja
Meus filhos de todos os perigos
Que cada um deles seja
Livre de seus inimigos
Peço por amigos e parentes
Que Deus os proteja...vou mais além
Que vivam felizes e contentes
E seus entes queridos também
Que Deus acastele nossas casas
Dê-nos força e virtude
Que aos nossos sonhos de asas
Que nos dê sempre saúde
Peço ainda cheia de fé
Que ELE cuide de nossos animais
Depois me coloco em pé
De Joelhos não estou mais.
Só aí vou tomar meu cafezinho...
Fazer minha caminhada...
Pela rua ando devagarzinho
Observando a molecada

sábado, 26 de novembro de 2011

Mimo que ganhei!



Photobucket

Recebi este selo de "destaque"
pela crônica Cenas de Um Cotidiano, 
do  grupo Cantando e Pioetizando.

Obrigada!


 Cenas de um cotidiano
                           Estel@

Toda ida tem uma volta, e voltando de uma cidade vizinha, um sol de rachar manona, peguei uma estrada vicinal de terra. Dia quente, nenhuma folha a balançar, aqueles dias de ficar morgando numa rede com uma limonada gelada, claro que só em sonho naquele dia.
Poeira vermelha a cobrir o carro, mas ar condicionado ligado, porque ninguém é de ferro, que naquele calor eu estava mais para borracha.
Até ai, tudo tranquilo, uma músiquinha gostosa, daquelas selecionadas no pen drive, e cantarolando, em ingles, frances , italiano...sozinha podia ser em qualquer idioma.

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

DANÇO...DANÇO E ME ENCANTO...


Na embalo de dois pra lá e dois pra cá, eu danço
numa viagem inesquecível.
Ao som de uma suave melodia, eu sonho e danço
com o coração, braço a me segurar
e a me conduzir num rodopio de leveza e emoção.
Nesta nossa rua, com o brilho das estrelas e o testemunho da lua, dançamos até eu não saber se sou a melodia, ou se a melodia sou eu..
E sinto no seu abraço o encanto dos movimentos, dançando com suavidade, tendo sempre olhos nos olhos e cruzando o arco-iris.
E, nestes momentos de encantamento, vejo na mesma rua, o menino dançarino a me levar num compasso da harmonia a paixão e o amor
Danço, danço e me encanto!
Com movimentos lentos e seguros, fico extasiada, como se o mundo tivesse parado, só eu e você,
juntos dançando!
Oh esta rua, quantos bailados imaginários me vi só a luz da lua, como testemunha de meu encanto e magia.
Hoje nos seus braços, não sei se é fantasia ou realidade,
mas não importa....
A dança celebrou nosso amo
                                                                               
Estela@


quarta-feira, 12 de outubro de 2011

DIA DA PADROEIRA DO BRASIL


Data Comemorativa: 12 de Outubro.

Nossa Senhora Aparecida, padroeira do Brasil, surgiu no rio Paraíba do Sul, em Guaratinguetá, em 1717, numa rede de pescadores. Os pescadores Domingos Garcia, Felipe Pedroso e João Alves resgataram a imagem de Nossa Senhora da Conceição Aparecida de suas águas. Eles lançavam as redes sem grande sucesso próximo ao porto de Itaguaçu, até que recolheram o corpo da imagem. Na segunda tentativa, trouxeram a cabeça e, a partir desse momento, os peixes pareciam brotar ao redor do barco.                                              
                                                           Primeiros milagres

Milagre das velas
Estando a noite serena, repentinamente as duas velas que iluminavam a Santa se apagaram. Houve espanto entre os devotos, e Silvana da Rocha, querendo acendê-las novamente, nem tentou, pois elas acenderam por si mesmas. Este foi o primeiro milagre conhecido de Nossa Senhora, ocorrido mais provavelmente em 1733.

Caem as correntes
Em meados de 1850, um escravo chamado Zacarias, preso por grossas correntes, ao passar pela igreja onde se encontrava a imagem de Nossa Senhora Aparecida, pede ao feitor permissão para rezar. Recebendo autorização, o escravo se ajoelha diante de Nossa Senhora Aparecida e reza fervorosamente. Durante a oração, as correntes, milagrosamente, soltam-se de seus pulsos deixando Zacarias livre.

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

Meu peão...by Estel@


Meu Peão
Estel@

Eu tive um peão com cheiro de mato e voz sonora
De laço forte na mão
Veio riscando o chão com a espora
Jurando que laçaria meu coração

De baixo de seu chapéu um olhar brejeiro
Falando manso e carregando seu berrante
Que mais parecia um cordeiro
e não pude resistir seu olhar penetrante
Mas este peão logo fez outra acrobacia
o charme do chapéu quebrado na testa
Com uma linda morena fez a sua travessia
E com o coração partido, é uma lágrima que me resta




Família...by Richard Dulley


Família
Dulley

Família é lago tranquilo !
Mas também mar agitado !
No qual é preciso ser forte!
Para não se morrer afogado !


Família é harmonia !
Mas também contradição !
Família é liberdade,
Mas também é opressão !

Em família, acima de tudo,
Deve o amor dominar !
Na qual todas ofensas,
Devemos saber perdoar !

Pois família é porto seguro
Não só para quem tem acertado !
Tem de sê-lo mais ainda,
Para quem andou errado !

Pois família é o salva-vidas,
De quem precisa de apoio !
Em família não é possível
Separar o trigo do joio !

Pois o joio é parte dela,
Tanto quanto é o trigo!

sábado, 25 de junho de 2011

DIA DE SÃO JOÃO


São João, santo católico, primo de Jesus Cristo, nascido a 24 de junho é festejado com muita alegria, boa comida, músicas, danças, bebidas e marcada por adivinhações para casamento, simpatias e prognóstico de futuro. Segundo a tradição, o santo adormece durante o dia que lhe é dedicado, porque se estiver acordado vendo o clarão das fogueiras não resiste ao desejo de descer do céu
Adivinhções
Na véspera de São João deve-se colocar uma faca que ainda não tenha sido usada numa bananeira, e no dia seguinte aparecerá na faca a inicial da noiva ou do noivo.
A agulha também serve para adivinhação. Basta colocá-la num prato cheio d’água. Se ela afundar, a moça não se casa aquele ano, mas se boiar é bom ir preparando o enxoval
Duas agulhas, na noite de São João, metidas numa bacia d’água se se juntarem indicam casamento.

Outra adivinhação: na véspera escrever em pequenos papéis os nomes de vários pretendentes, colocando-os numa bacia com água; o nome que aparecer no amanhecer será o futuro marido (ou esposa).

Plantar, à meia-noite, três cabeças de alho cada uma correspondendo a um pretendente, no dia seguinte, a que tiver nascido será o nome do futuro marido.

domingo, 12 de junho de 2011

Meu Eterno Namorado


Meu eterno namorado


Na pele o cheiro da paixão
Na boca o gosto doce do prazer 
No olhar a eterna sedução
Meu amado sempre vou te querer
Nos lençois a carícia da atração
Mesmo longe você é o meu amanhacer



sábado, 11 de junho de 2011

Quando eu te amei,,,byEstel@

                                      Quando eu te amei
                                   Estel@

Fui feliz e completa
Quando te amei
Não soube o que era solidão
Quando te amei
Sonhei, sorri e vivi
E agora? onde estás?
A minha procura? E suas promessas?
Seu bem querer.....acabou?
Mas quando te amei
Amei.....hoje uma saudade
Que da minha face uma lágrima derramo !
                               
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...